Offside
Corporate

Um olhar sobre nós na voz dos nossos parceiros - Testemunho da Volkswagen Autoeuropa, Lda, pela voz de Margarida Pereira.

Fora de Série

"A experiência de trabalhar no INESC TEC é, simplesmente, enriquecedora e gratificante", Margarida Gonçalves (DIL/RH)

A Vós a Razão

"As sinergias que se podem obter destas colaborações inter-unidades são particularmente importantes no caso da robótica. Muitos projetos nesta área possuem um elevado carácter aplicacional...", Aníbal Matos (ROBIS)

Asneira Livre

"Quando me convidaram para escrever uma ‘asneira livre’ para o BIP, finalmente percebi como é fácil escrever artigos científicos...", Germano Veiga (ROBIS)

Galeria do Insólito

"A quem duvida que a realidade ultrapassa a ficção, oferecemos o exame da correspondência eletrónica que nos chega: preciosidades ..."

Ecografia

BIP tira Raio X a colaboradores do INESC TEC...

Novos Doutorados

Venha conhecer os novos doutorados do INESC TEC...

Novos Colaboradores

O INESC TEC recebeu no último mês 19 novos colaboradores. Conheça os seus rostos...

Cadê Você?

O INESC TEC lança todos os meses no mercado pessoas altamente qualificadas...

Jobs 4 the Boys & Girls

Referência a anúncios publicados pelo INESC TEC, oferecendo bolsas, contratos de trabalho e outras oportunidades do mesmo género...

Biptoon

Mais cenas de como bamos indo porreiros...

Subscrever o BIP
 

INESC TEC desperta jovens para a ciência e tecnologia

Tecnologias INESC TEC em destaque na Mostra da U.Porto e Semana Profissão: Engenheiro da FEUP

O INESC TEC voltou este ano a participar em dois dos mais importantes eventos promovidos pela Universidade do Porto dirigidos à população estudantil: a Semana Profissão: Engenheiro, onde dezenas de estudantes do ensino secundário tiveram oportunidade de conhecer in loco a realidade de trabalho do INESC TEC, e a Mostra da U.Porto. Esta última iniciativa registou mais uma vez uma enorme adesão: foram cerca de 15 mil visitantes que puderam, nos quatro dias do evento, contactar com as diversas Faculdades e Institutos de I&D ligados à U.Porto. Depois da Robótica em 2011, este ano o INESC TEC destacou-se pela componente de Multimédia com duas aplicações interativas que fizeram as delícias dos mais jovens.

Especial 1   Especial 2

Tocar a tecnologia INESC TEC

O INESC TEC não podia deixar de marcar presença mais uma vez na Mostra da U.Porto, um evento que promove a divulgação da oferta formativa daquela que é a maior Universidade do país e a exploração interativa de diferentes aspetos do conhecimento científico. Depois de em 2011 ter apresentado tecnologias na área da Robótica, este ano o INESC TEC destacou-se pela sua componente de Multimédia naquela que foi a 10ª edição desta iniciativa.

Os jovens pré-universitários e os graúdos que visitaram o Pavilhão Rosa Mota entre 22 e 25 de março tiveram oportunidade de conhecer duas ferramentas interativas, desenvolvidas pela Unidade de Telecomunicações e Multimédia (UTM), que fizeram as delícias de todos – uma ferramenta webRAMA – Relational Artist MAps – que permite visualizar e interagir com redes de músicos, e um ecrã multitoque que possibilita que vários utilizadores em simultâneo manipulem fotografias, vídeos e jogos. Foram cerca de 30 os colaboradores de todas as Unidades nucleares que representaram o INESC TEC neste evento, e que puderam explicar aos mais curiosos não só os projetos em destaque, mas também o que é o INESC TEC.

Especial 3   Especial 4

Um ‘chamariz’ para pequenos e graúdos

A ferramenta RAMA, desenvolvida por uma equipa de investigadores da UTM liderada por Fabien Gouyon, inclui dados sobre centenas de milhares de artistas musicais e cerca de três milhões de ‘tags’ criados por utilizadores da estação de rádio web Last.fm. Os nomes dos artistas são apresentados numa espécie de gráfico interligado que contém ainda informação visual sobre semelhanças entre artistas, popularidade e ‘tags’ associados. Conhecendo o gosto dos jovens pela música, esperava-se um grande interesse por parte dos estudantes, o que se veio a confirmar.

Mas a estrela da participação do INESC TEC na Mostra da U.Porto foi o ecrã multitoque. Tipicamente usado em centros comerciais e montras de lojas, ou mesmo manipulado por DJs em bares e discotecas para gerar música, esta é uma tecnologia que pode ser usada por várias pessoas em simultâneo. Desenvolvida por Luís Pessoa e João Ribeiro, também da UTM, esta ferramenta integra uma tecnologia para deteção de toque – o Kinect – baseada em sistemas óticos, sendo adequada para diferentes tamanhos de ecrã. Foram muitos os jovens que se aglomeraram junto do ecrã, ansiosos por manipular os conteúdos. Até o Reitor da U.Porto, José Marques dos Santos, se deixou contagiar pelo ecrã “mágico”.  

Especial 5   Especial 6

Futuros engenheiros conhecem realidade INESC TEC

E ainda na ‘onda’ das demonstrações daquilo que de melhor se faz no INESC TEC, é de destacar a participação na Semana Profissão: Engenheiro, promovida anualmente pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), que decorreu entre 19 e 21 de março. Registando mais uma vez uma excelente adesão por parte das escolas secundárias, esta iniciativa tem como objetivo dar a conhecer as várias facetas da engenharia aos alunos em idade pré-universitária.

Nos três dias da iniciativa, o INESC TEC acolheu alunos e professores de escolas secundárias de norte a sul de Portugal, que puderam assistir a apresentações sobre temas nucleares da investigação que se faz no INESC TEC: Fibras Óticas (com apresentações de Filipe Magalhães e Ana Silva da Unidade de Optoeletrónica e Sistemas Eletrónicos – UOSE), Carros Elétricos e Contadores Inteligentes (apresentado por Luís Seca da Unidade de Sistemas de Energia – USE), Software de Gestão de Sala de Aula (tema abordado por Jorge Santos da Unidade de Sistemas de Informação e Computação e Computação Gráfica – USIG), e Automação nas Indústrias (liderado por Rui Rebelo e Paula Gomes, ambos da Unidade de Engenharia de Sistemas de Produção – UESP).

Entre aspas

Mostra da U.Porto

1. Com que impressão ficou da Mostra da U.Porto?

André Rodrigues

André Rodrigues (USIG)

“Pareceu-me uma oportunidade única de aproximação entre a academia e a população em geral, não só para consideração da U.Porto para as novas gerações, como de curiosidade por parte de antigos alunos relativamente àquilo que anda a ser feito pela universidade”.

João Ferreira

João Ferreira (UOSE)

“Gostei da Mostra deste ano. O modo como estavam organizados os corredores era mais eficaz em termos de visitas que no ano anterior. Muitos visitantes. Foi bom. Os demonstradores escolhidos para representar o INESC TEC foram um sucesso”.

Telmo Oliveira

Telmo Oliveira (UTM)

“Foi interessante ver todas as diferentes vertentes da Universidade do Porto”.

Maria Almeida

Maria Almeida (UESP)

“Na minha opinião o evento correu bastante bem quer em termos de afluência do público quer pela intensa cooperação que se desenvolveu entre os Inesquianos presentes. No período em que estive presente – domingo à tarde – apesar de ser um dia tipicamente “familiar” correu bastante bem e penso que conseguimos chamar a atenção das pessoas e sobretudo explicar o enquadramento do INESC TEC nesta iniciativa. A colaboração entre voluntários também decorreu da melhor forma, permitindo inclusive travar conhecimento com elementos da instituição que de outra forma provavelmente não aconteceria”.

2. Na sua opinião, qual é a importância da participação do INESC TEC nesta Mostra?

Vera Ferreira

Vera Ferreira (USE)

“Penso que a participação do INESC TEC teve particular importância na Mostra pois é das poucas e sempre na vanguarda da tecnologia e com grande aplicabilidade na indústria instituições presentes que dá a conhecer aos participantes o que podem fazer num futuro mais longínquo (período pós-licenciatura)”.

Pedro Teixeira

Pedro Teixeira (UESP)

“O público-alvo são mais os estudantes que querem ingressar no ensino superior, mas é importante que tenham noção que nas faculdades também existem centros de investigação que os podem acolher no final (ou no decorrer) do curso, dando-lhes a possibilidade de participar em projetos inovadores”.

Joana Martins

Joana Martins (USE)

“Ao participar numa mostra direcionada aos jovens, o INESC TEC ganha visibilidade neste segmento, e os jovens estudantes adquirem mais conhecimento para a escolha consciente da sua formação profissional”.

Hélder Oliveira

Hélder Oliveira (UTM)

"Tal como acontece todos os anos, este evento reuniu diversos participantes das mais variadas faixas etárias e grau de ensino. É um evento para mostrar as competências das diversas faculdades e institutos dentro a Universidade do Porto. Por isso, a participação do INESC TEC é fundamental para que se possa divulgar o que se faz no nosso instituto. Assim, é possível cativar alunos pré-universitários para as áreas de atuação do INESC TEC, ou a um nível mais elevado, atrair alunos de graduação para fazer investigação associado aos projetos do INESC TEC."

 

3. O que poderia ser melhorado no espaço do INESC TEC e na organização da nossa participação em geral?

Maria Almeida

Maria Almeida (UESP)

“Quer o espaço quer a organização foram bons, sobretudo esta última, penso que houve uma ótima preparação do evento”.

André Rodrigues

André Rodrigues (USIG)

“Demasiadas pessoas dirigem-se ao stand procurando saber que cursos são oferecidos pelo INESC TEC, pelo que deveria ser mencionado explicitamente que a missão do instituto é a investigação e não o ensino, por mais próximas que as duas áreas possam estar uma da outra”.

Semana Profissão: Engenheiro

Em que é que acha que eventos deste tipo contribuem para ajudar os alunos do secundário a escolherem o seu percurso profissional?

Filipe Magalhães

Filipe Magalhães

“No meu entender, estas iniciativas só podem contribuir de forma positiva, tanto para ajudar a perceber a realidade do envolvimento científico e aliciá-los com isso, como para confirmar as suspeitas que alguns poderão ter de que "isto não é para eles.”

Rui Rebelo

Rui Rebelo

“Esta é uma boa oportunidade para os alunos do secundário terem um primeiro contacto com a aplicação de alguns dos conhecimentos adquiridos à nossa indústria. Certamente, que eles se vão rever e interessar por alguma das áreas apresentadas e, assim, escolher de forma mais consciente o seu percurso profissional.”

Jorge Santos

Jorge Santos

“Eventos como a “Semana Profissão: Engenheiro” procuram despertar a curiosidade dos alunos e orientar a escolha de um curso do ensino superior.”

Paula Gomes

Paula Gomes

“Estes eventos são muito importantes para quem procura uma vocação ou pretende confirmar a que já pensa ter. Não só damos a conhecer o que de melhor se faz, como também possibilitamos aos alunos uma visão mais clara relativamente à forma como as competências desenvolvidas na faculdade (e não só) são efetivamente aplicadas. Estou certa de que, no regresso a casa, alguns dos alunos disseram “Quando for grande, quero ser engenheiro!””

10ª Mostra da U.Porto 2012 - Slideshow TVU, aqui.