B O L E T I M Número 71 de Abril 2007 - Ano VII

 BIP in English  BIP in English 

Início Destaque Editorial Especial Arquivo
   

D E S T A Q U E

INESC Porto lança novo spin-off

Apostar hoje nas opções de amanhã

Imagem Principal Artigo

Prosseguindo a política de promover, facilitar e incubar iniciativas empresariais que possibilitem a valorização das suas actividades de I&D e promovam a criatividade, o espírito de iniciativa e de risco entre os seus jovens investigadores, o INESC Porto acaba de apoiar o lançamento do mais recente spin-off: Tomorrow Options–Microelectronics S.A.. Dedicada a aplicações electrónicas para servir o mercado global, o primeiro produto desta empresa será um dispositivo médico prático e confortável, o WalkinSense, direccionado para a prevenção e avaliação dos efeitos do pé diabético, doença que afecta cerca de 15% dos diabéticos.

Os antecedentes
Pode afirmar-se que na génese da formação deste novo spin-off esteve o Mestrado em Inovação e Empreendedorismo Tecnológico (MIETE) da Faculdade de Engenharia, que oferece uma formação integrada nos processos de Inovação, Comercialização de Tecnologia e em Tecnologia, promovendo a construção de novos negócios de base tecnológica.

Segundo João José Pinto Ferreira, director do Mestrado e coordenador da Unidade de Sistemas de Informação e Comunicação (USIC), os alunos do Mestrado são orientados, com as "mãos na massa" e em casos reais, ao longo de todo o processo de construção de novos negócios. “A empresa Tomorrow Options S.A. é claramente um resultado deste processo”, conclui.

Passar da teoria à prática
Tendo partido de uma tecnologia desenvolvida ao longo de um projecto de final do curso, os então alunos do MIETE realizaram todo o processo de criação de valor enquanto estabeleciam a ponte entre as necessidades do mercado e a equipa técnica, num processo iterativo de adaptação das capacidades da oferta tecnológica às funcionalidades do produto ditadas pelas necessidades do mercado.

De acordo com o director do Mestrado, neste processo foi fundamental a total disponibilidade da equipa técnica que foi sucessivamente estabelecendo limites e encontrando novas soluções para as necessidades encontradas. “Tem sido um privilégio poder assistir à evolução de todo o processo, desde o dispositivo que constituiu a base de trabalho até chegar ao produto final”, revela João José Pinto Ferreira.

O papel do INESC Porto
O INESC Porto, no âmbito da actividade da nova Unidade de Inovação e Transferência de Tecnologia (UITT) criou, em Janeiro de 2006, um espaço de incubação para acolher novas empresas de base tecnológica na fase de prova de conceito. Para além da incubação física ou virtual e dos serviços naturalmente associados, esta Unidade disponibiliza um serviço permanente de aconselhamento tecnológico através das outras Unidades de Investigação do INESC Porto, e um serviço de apoio ao desenvolvimento dos negócios, de parcerias e procura de investimento.

De acordo com Alexandra Xavier, coordenadora da UITT, a relação com a Tomorrow Options iniciou-se no MIETE, tendo acompanhado o processo de criação de valor desde o princípio. A decisão de o INESC Porto participar e incubar esta empresa partiu da análise do carácter inovador da tecnologia e da aplicação, da qualidade do Plano de Negócios, do perfil dos promotores e do seu potencial de valorização comercial. “Considerando ainda que as características especificas dos produtos e das tecnologias envolvidas se enquadravam nas áreas estratégicas de I&D do INESC Porto, estendemos então responder positivamente ao convite dos promotores individuais”, revela a engenheira.

Investir na incubação
Ainda em 2004 o INESC Porto apoiou a empresa FiberSensing e este ano está envolvido no lançamento de mais duas: a Tomorrow Options e a Xarevision, também incubada no INESC Porto, todas elas apoiadas pelo programa NEOTEC.

No caso da Tomorrow Options, o INESC Porto participa através da conversão do valor correspondente à sua proposta de prestação de serviços em capital da empresa, tornando-se sócio-fundador juntamente com os promotores individuais. Assim, o Instituto detém uma participação de 13% na empresa, participando através da nomeação de um administrador não executivo no Conselho de Administração da Empresa, o director José Carlos Caldeira, e simultaneamente o seu Presidente. Desta forma, o INESC Porto acompanhará de muito perto as orientações estratégicas da Empresa.

O apoio da UITT
A mais recente Unidade do INESC Porto teve um papel activo na criação da Tomorrow Options, apoiando a nova empresa em três fases. Inicialmente, através do envolvimento dos RH da UITT no MIETE, a Unidade acompanhou desde o princípio o desenvolvimento do processo de criação de valor, desde a fase de identificação da ideia até ao desenvolvimento do Plano de Negócios da empresa.

Em seguida, a Unidade coordenada por Alexandra Xavier e Aurora Teixeira apoiou o desenvolvimento do plano de implementação bem como o processo de constituição da empresa, tendo sido responsável pela avaliação, negociação e estabelecimento das regras de participação do INESC Porto na Tomorrow Options. Na actual fase de incubação, a Unidade actua como facilitador e responsável pelo acompanhamento da empresa no seu processo de incubação.

O primeiro produto
O WalkinSense, primeiro produto a lançar pela empresa, assume-se como o único dispositivo portátil no mundo para a prevenção do pé diabético que recolhe dados sobre a distribuição do peso do corpo na planta do pé e sobre a mobilidade, caracterizando os movimentos dos pacientes afectados pela diabetes.

O INESC Porto participa na coordenação do projecto de desenvolvimento do protótipo pré-industrial e de uma das componentes de software do produto. Tendo em vista testes clínicos ao produto e a sua futura comercialização, este spin-off vai contar com o apoio de parceiros como o Hospital de Santo António e instituições internacionais, como o centro norte-americano Clear (Center for Lower Extremity Ambulatory Research) e a clínica britânica Diabetic Foot Clinic (Bristol Royal Infirmary).

O pioneirismo na área da saúde
Com o WalkinSense, a recolha de informação, através de sensores electrónicos, processa-se de modo simples, sem alterar o quotidiano ou o conforto do paciente, permitindo diagnosticar precocemente a doença. Simultaneamente, o dispositivo fornece informação quantificada para a prescrição de palmilhas ou sapatos – específicos para o paciente – de forma a evitar úlceras, amputações, ou outras complicações graves.

Este sistema vai permitir reduzir os pesados encargos com o pé diabético nos sistemas de saúde, que absorve cerca de 15% do total dos recursos destinados à diabetes, bem como minimizar a degradação da qualidade de vida dos que sofrem da doença. De salientar ainda as suas características inovadoras, que o convertem na única solução no mercado que corresponde exactamente às necessidades dos pacientes e técnicos.

Os novos empresários
Os promotores da Tomorrow Options são Paulo Santos, Catarina Aroso Monteiro, Miguel Velhote, Sérgio Cunha e o INESC Porto. Os quatro promotores individuais possuem vastas competências de gestão e tecnológicas.

Paulo Santos e Catarina Aroso Monteiro constituirão a equipa de gestão da nova empresa e estarão envolvidos no projecto a tempo inteiro. A experiência do Paulo na Gestão de Empresas, assim como a da Catarina nas questões relacionadas com a Gestão da Inovação, complementadas pelos conhecimentos específicos que ambos adquiriram durante o seu mestrado, são seguramente factores que podem contribuir para o sucesso do projecto. Os professores Miguel Velhote e Sérgio Cunha lideraram, desde o início, a investigação da tecnologia WalkinSense.

CV resumido dos promotores da Tomorrow Options
Paulo Ferreira dos Santos (Licenciado em Informática de Gestão e Mestre em Inovação e Empreendedorismo Tecnológico) é um empreendedor com 10 anos de experiência na gestão de empresas. Trabalha desde 1988 e iniciou o seu primeiro negócio próprio em 1993, uma empresa de consultadoria em tecnologias da informação. Até 2006 iniciou cinco empresas em diferentes áreas (tecnologias da informação, jardinagem, imobiliário, actividades turísticas e panificação). Devido à sua experiência e conhecimento de Gestão é o Director-Geral da nova empresa e responsável pela sua Gestão Administrativa.

Catarina Aroso Monteiro (Licenciada em Engenharia do Ambiente e Mestre em Inovação e Empreendedorismo Tecnológico) trabalha também no INESC Porto como Consultora em Inovação como responsável por um projecto de transferência de tecnologia (Innovation Relay Centre Network). É na nova empresa a responsável pelo Marketing e Vendas.

Miguel Velhote (Licenciado e Doutorado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores) é professor na FEUP e Investigador no INEB. Participou na I&D de diversos projectos ligados ao Desporto e à Electromedicina, principalmente, em sectores de Reabilitação Física. É o responsável pelo departamento de I&D.

Sérgio Reis Cunha (Licenciado e Doutorado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores) é professor e investigador na FEUP. Com experiência no Desenvolvimento de Produto é o responsável pelo departamento de Planeamento e Produção.


comentários

Não há comentários a este artigo.
Utilizador (e-mail):  Palavra chave:

INESC Porto © 2017  |Discutir no Forum   |Ficha Técnica   |Topo      

RESPONSABILIDADE: O BIP é um boletim irreverente e não oficial e os artigos e opiniões publicados não pretendem traduzir a posição oficial da instituição, sendo da responsabilidade exclusiva dos seus autores.